terça-feira, 27 de setembro de 2016

Senado e STF ensaiam regressão de 190 anos na legislação trabalhista



 
 

O Senado deve votar a qualquer momento o Projeto de Lei 4.330, aprovado pela Câmara, para permitir a terceirização das atividades-fim, até hoje só admitida nas atividades-meio. O STF informou ao Congresso que, se ele não der tratamento à questão, a Corte apreciará a ação da empresa Cenibra, que vai na mesma direção do projeto de lei. 

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Estudantes saem às ruas em SP contra Reforma do Ensino Médio

Mídia Ninja
 

Desafios e rumos da esquerda democrática no pós-golpe


Não é suficiente resistir ao projeto liberal-conservador representado pelo governo golpista. Apesar de necessária, a denúncia e a resistência não conquistarão “coração e mente” dos brasileiros se a esquerda não demonstrar qual tipo de sociedade defende e com quais medidas pode alcançá-la

A MP do Ensino Médio – ponte para o passado



por Luciano Mendes de Faria Filho, no Blog Pensar a Educação
hist_us_20_civil_rights_pic_black_school_classroom

Enquanto vários movimentos sociais, boa parte deles com forte representação junto aos profissionais da escola básica, protestavam nas ruas contra o  Temer e suas políticas,  o governo  deu mais um golpe na democracia, cerceou o debate e cumpriu aquilo que o ministro havia prometido: editou a MP de Reforma do Ensino Médio. De uma só penada mexeu na carga horária total do EM, na formação de professores, permitiu que pessoas sem formação sejam docentes, mudou o currículo, a forma de financiamento etc.

TABIRA VAI SAIR GANHANDO COM ESSA PARCERIA

BASTIÃO ESTÁ COM TOTE
E TOTE COM BASTIÃO
PARA AVANÇAR NAS MUDANÇAS:
TRAZER MAIS EDUCAÇÃO,
MAIS CULTURA E MAIS SAÚDE,
MAIS CURSOS PRA JUVENTUDE,
MAIS OBRAS PARA O POVÃO.


domingo, 25 de setembro de 2016

TRABALHADORES SE UNEM NA LUTA POR NENHUM DIREITO A MENOS RUMO A GREVE GERAL

REFLEXÃO DA SEMANA N. 76

 Por Dedé Rodrigues

 Resultado de imagem para povo na rua 2016 nenhum direito a menos
Meus amigos e amigas ouvintes do Programa Tabira em Tempo, primeiro do que tudo fora Temer! Conforme Editorial do Portal Vermelho desta semana que passou  A luta política dos trabalhadores ganha dimensão decisiva quando supera as tradicionais reivindicações econômicas e corporativas, os sindicatos assumem sua dimensão política e reagem a atentados contra os trabalhadores e os direitos sociais.

Democracia e Educação no Brasil: os desafios do momento atual



Um dos desafios educacionais da democracia é assegurar às novas gerações uma formação para o pleno exercício da cidadania. 
Um dos desafios educacionais da democracia é assegurar às novas gerações uma formação para o pleno exercício da cidadania. 

No Brasil o regime democrático esteve sempre em risco dada a especificidade da formação social brasileira marcada pela resistência de sua classe dominante em incorporar a população trabalhadora na vida política, tramando golpes sempre que pressente o risco da participação das massas nas decisões políticas. Daí o caráter espúrio de nossa democracia alternando a forma restrita, quando o jogo democrático é formalmente assegurado, com a forma excludente em que a denominação “democracia” aparece como eufemismo de ditadura.

sábado, 24 de setembro de 2016

PCdoB apresenta emenda à PEC 241 para preservar programas sociais



Ass. Lid. PCdoB na Câmara
A emenda modificativa do PCdoB recebeu apoio da líder da Minoria, deputada Jandira Feghali, e dos líderes de outros quatro partidos – PDT, Rede, Psol e PT.  A emenda modificativa do PCdoB recebeu apoio da líder da Minoria, deputada Jandira Feghali, e dos líderes de outros quatro partidos – PDT, Rede, Psol e PT.  
A emenda modificativa do PCdoB recebeu apoio da líder da Minoria, deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e dos líderes de outros quatro partidos – PDT, Rede, Psol e PT. As modificações propostas, segundo a justificativa apresentada pelo deputado, “são fundamentais para preservar as conquistas sociais e proteger importantes áreas de atuação governamental.”

Chico Lopes: "Reforma do Ensino Médio é desastrosa"




Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
Para o deputado federal e professor Chico Lopes (PCdoB-CE), os prejuízos para estudantes, professores e pais serão extremamente graves.
Para o deputado federal e professor Chico Lopes (PCdoB-CE), os prejuízos para estudantes, professores e pais serão extremamente graves.

"É desnecessário e descabido um governo que não tem legitimidade propor uma reforma do Ensino Médio. Ainda mais fazendo isso através de medida provisória, impondo, com tanta pressa, uma mudança tão grande em um sistema tão complexo e importante", aponta Chico Lopes.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Quem é a juventude brasileira ?



  

    Reforma de Temer é autoritária e precariza o Ensino Médio



    Divulgação MEC
     
     

    Na proposta apresentada por Mendonça nesta quinta-feira (22), as disciplinas de artes, educação física, filosofia e sociologia tornariam-se eletivas no ensino médio. Coincidência ou não, após repercussão negativa de vários segmentos da sociedade, o governo disse que cometeu um erro de publicação e que tais matérias continuarão obrigatórias. 

    Ubes: "São autoritários" 

    ASSASSINA BRASIL TEUS INOCENTES QUE DEPOIS TU TERÁS POR QUEM CHORAR!

    Foto do perfil de Catarina Arthemens


    Receber a notícia de que Filosofia, Sociologia, Artes e Educação Física não serão mais cadeiras obrigatórias e nem necessitarão mais de profissionais formados para tal é um dos cúmulos do retrocesso na educação.
    Vamos sucatear a educação e formar futuros operários que votarão na "dinastia" dos que estão no poder.
    Vira as costas aos teus menores filhos,
    Fecha os olhos à fome da pobreza,
    Deixa impune o desmando, a safadeza,
    Joga o trem do país fora os trilhos,
    Do farol do futuro apaga os brilhos,
    Deixa a sombra da morte em seu lugar...
    Com crianças é perdido se gastar.
    Há milhões de projetos diferentes,
    Assassina, Brasil, teus inocentes,
    Que depois tu terás por quem chorar.

    COMO É TRISTE VER TEMER NO PODER


    Resultado de imagem para poeta dudu morais

    Por Dudu Morais 









    DR. TEMER, MICHEL MIGUEL ELIAS
    COMO É TRISTE ENXERGAR VOSSA EXCELÊNCIA
    OCUPANDO ESSA NOSSA PRESIDÊNCIA
    QUE O SENHOR ALCANÇOU POR OUTRAS VIAS.
    QUEM PEGOU O BRASIL DE MÃOS VAZIAS
    ENTREGOU AO SENHOR DE MÃO BEIJADA...
    MUITA COISA JÁ FOI MODIFICADA
    E ESTA ÚLTIMA REFORMA EU DOU RAZÃO
    QUE UMA PÁTRIA QUE FALTA EDUCAÇÃO
    É MAIS FÁCIL DE SER MANUSEADA

    Atos pelo Brasil denunciam medidas de Temer para acabar com direitos



    Mídia Ninja
     
     

    Rio de Janeiro

    No Rio de Janeiro a mobilização reuniu centenas de pessoas que seguiram em passeata e encerraram o ato na Cinelândia. O ato foi marcado pela participação de movimentos de juventude, que realizaram performances e protestaram contra o projeto Escola Sem Partido.

    quinta-feira, 22 de setembro de 2016

    Entenda os motivos da Paralisação Nacional do dia 22/09

    Resultado de imagem para paralisação nacional
    Projetos que colocam em risco os direitos dos educadores:

    quarta-feira, 21 de setembro de 2016

    Regra fiscal de Temer pode tirar R$ 58 bilhões das escolas municipais



    Tânia Rego/Agência Brasil
     
     

    "Nós, gestores municipais, vemos com muita aflição e preocupação a discussão dessa PEC no Congresso. Somos totalmente contrários à desvinculação dos recursos porque é a única garantia que temos de a União, ente que mais arrecada, repassar recursos aos municípios e aos estados", diz o presidente da entidade, Alessio Costa Lima.

    Centrais promovem Dia Nacional de Paralisação; confira os locais



     
     

    Chamado de "Esquenta para Greve Geral", a inciativa foi construída em conjunto pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), Força Sindical, União Geral dos Trabalhadores (UGT), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST), Central Sindical e Popular (CSP-Conlutas) e
    Intersindical.

    Por que devemos nos opor à reforma do Ensino Médio defendida pelo MEC?

    Campinas
    Campinas
    segunda-feira 19 de setembro| Edição do dia
    ·          
    ·          
    ·          
    ·          11

    Está prevista para essa semana a apresentação do projeto de reforma do Ensino Médio defendido pelo governo Temer. Sem nenhum compromisso em obter um mínimo de legitimidade democrática, o governo diz que pode prescindir até mesmo do Congresso Nacional que endossou seu golpe institucional, editando uma medida provisória para apressar sua sanha reformadora.

    domingo, 18 de setembro de 2016

    O MAIOR COMÍCIO DESSA CAMPANHA EM TABIRA VIROU TAMBÉM O MAIOR ATO CONTRA O GOLPE



    Por Dedé Rodrigues
    A Coligação para Tabira seguir mudando, encabeçada pelo Poeta Sebastião Dias,  PTB e mais 15 partidos,  como o PT, o PDT, a Rede, o  PC do B, entre outros, realizou o maior arrastão e concentração de pessoas dessa campanha de 2016. Milhares de pessoas se concentraram,  inicialmente ao lado da Rodoviária e,  depois,  seguiram no arrastão até o Bairro de Fátima  onde foi construído um palanque para o evento. Presenças do candidato a prefeito Sebastião Dias, do vice-prefeito José Amaral, dos candidatos a vereadores e presidentes de partidos e, ainda de visitantes ilustres, como os Senadores Armando Monteiro e Humberto Costa, os deputados federais Ricardo Teobaldo e Silvio Costa. Presenças também do deputado estadual Augusto Cesar e do representante da CUT – PE, Carlos Veras. Este ato, além de levar à população as propostas da coligação e denunciar “falhas” da  oposição,  foi caracterizado pelo “fora Temer! Foi principalmente um ato contra o golpe de Estado implantado em 2016 no Brasil.

    LULA DEVE MORRER? E DEPOIS O QUE VAI ACONTECER?


    Resultado de imagem para LULA

    REFLEXÃO DA SEMANA N. 75

     Por Dedé Rodrigues

     Bom dia meus amigos e minhas amigas ouvintes do Programa Tabira em Tempo. Primeiro do que tudo “fora Temer”. Uma matéria publicada Por Ayrton Centeno, no site Sul-21 esta semana que passou com o título “Lula deve morrer”  faz uma retrospectiva da história de Lula dizendo que ele escapou da morte quando nasceu, pois em 1945 a mortalidade infantil no Brasil era de 146 x 1000. Quase 150 óbitos antes do primeiro ano de vida em cada mil crianças. Isto na média nacional que, hoje, a propósito, é dez vezes menor e, acrescento, paradoxalmente o próprio Lula foi o principal responsável por salvar milhões de crianças da morte com a sua política de inclusão social que tirou em torno de 40 milhões de pessoas da miséria. Mas naquele tempo, para quem vinha aumentar família pobre, da área rural e do Nordeste,  os números eram ainda mais atrozes. Lula venceu a seca comendo tanajura e foi vitorioso contra o câncer na sua laringe. Lula não morreu, mas querem matá-lo de todo jeito, pois ele cometeu o crime de alimentar a barriga do povo pobre e despertar o sonho de milhões de brasileiros por um país e um futuro melhor.  Esse é o seu crime.

    sábado, 17 de setembro de 2016

    CONVITE DE MISSA




    PRAS MULHERES DA AMURT
    PROS NETOS QUE TÊM SAUDADES

    Renato Rabelo: Agora, é Lula



    Ricardo Stuckert/ Instituto Lula
    Agora, é Lula
    Agora, é Lula

    Isso pronunciado fora da denúncia formal apresentada, sem imputar esse crime nos autos, em flagrante delito judicial-administrativo. Apresentaram Lula como o inimigo numero um do Estado. Uma “ação política de exceção” (nas palavras de Pedro Serrano). Tudo encenado num palco em exibição de extravagante espetáculo midiático.

    sexta-feira, 16 de setembro de 2016

    PCdoB denuncia tentativa de barrar Lula nas eleições de 2018



    Blog do Renato
    A líder da Minoria, deputada Jandira Feghali, afirma que querem tirar Lula de qualquer disputa política e tem agente público que se presta para isso.
 
    A líder da Minoria, deputada Jandira Feghali, afirma que querem tirar Lula de qualquer disputa política e tem agente público que se presta para isso.  

    Mais uma etapa do golpe foi iniciada esta semana. No fim da tarde de quarta-feira (14), uma entrevista coletiva de procuradores do Ministério Público Federal (MPF) do Paraná, ligados à Operação Lava Jato, apresentou denúncia contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua esposa, Marisa Letícia, e outras seis pessoas - o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro, além de Agenor Franklin Magalhães Medeiros, Paulo Roberto Valente Gordilho, Fábio Hori Yonamine e Roberto Moreira Ferreira, ligados à empreiteira. 

    Advogados de Lula denunciam procuradores no Conselho do Ministério Público


    Para Marcelo Lavenère, procuradores devem ser processados. Pedro Serrano cita "quadro paranoico do investigador" e diz que se Moro aceitar a denúncia, será coautor de decisão política e não jurídica
    por Redação RBA publicado 15/09/2016 18:25
    REPRODUÇÃO
    TVT
    São Paulo – O advogado Marcelo Lavenère, ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), disse hoje (15) jamais ter visto, em seus 55 anos de carreira, um espetáculo “injustificado e inaceitável” como o protagonizado nesta quarta-feira (14) pelos procuradores da força tarefa da Lava Jato. Para ele, os procuradores que participaram da coletiva em que foi anunciada a denúncia contra Lula cometeram abuso de poder e devem ser responsabilizados administrativamente.

    Damous: Brasil sofreu um atentado facista à democracia



    ANTONIO AUGUSTO / CÂMARA DOS DEPUTADOS
     
     

    "Estou profundamente indignado e preocupado com o que está acontecendo em nosso país. Estamos assistindo a consolidação de um Estado policial. O maior exemplo e mais candente foi dado ontem (14)", salientou o parlamentar que é advogado e foi ex-presidente da OAB do Rio de Janeiro.

    quinta-feira, 15 de setembro de 2016

    Defesa de Lula vai ao Conselho Nacional do MP contra procuradores



     
     

    Segundo Zanin Martins, houve "graves desvios funcionais na conduta de procuradores da República que fizeram, com recursos públicos, afirmações sobres assuntos que não eram da atribuição deles, apenas para enxovalhar a honra e a reputação do Lula e dona Marisa".

    BAIRRO VITORINO GOMES RECEBEU A MAIOR CONCENTRAÇÃO DE GENTE DESSA CAMPANHA



    Por Dedé Rodrigues

    No dia 14 de setembro de 2016, a coligação 14, Para Tabira seguir mudando, realizou o maior ato de concentração de pessoas dessa campanha, afirmaram os organizadores  da campanha no palanque.  A concentração de pessoas começou na Praça Pedro Pires Ferreira,  que ficou lotada de ponta a ponta e, em seguida o povo seguiu em passeata até o Bairro  para ouvir os oradores. No Bairro,  a rua do local do evento,  não coube as pessoas que tiveram que ocuparem outros espaços.  O palanque contou com as presenças do candidato a prefeito Sebastião Dias, do vice Zé Amaral, dos candidatos a vereadores e do deputado Estadual Antonio Morais. “Foi só uma prévia do Arrastão do sábado dia 17/09, disseram os organizadores do evento”.

    quarta-feira, 14 de setembro de 2016

    Aldo Rebelo: A luta tornará mais difícil o caminho do retrocesso

    “O Brasil vive um momento de impasse”, afirma o ex-ministro e dirigente do PCdoB Aldo Rebelo, em entrevista exclusiva à TV Vermelho. “O novo governo não consegue reunir nem a legitimidade das urnas, nem a legalidade de um processo viciado (...), por uma pedalada que todos os governos, inclusive o atual, já está fazendo.” Por essa razão, diz Aldo, o Brasil vai se arrastar.






    Temer põe país à venda em pacote de concessões e privatizações



    Divulgação
     
     

    A lista de projetos foi anunciada na manhã desta terça-feira, durante a primeira reunião do conselho do Programa de Parcerias em Investimentos (PPI), em Brasília. No encontro, Temer disse que o governo fará “uma abertura extraordinária” da infraestrutura brasileira à iniciativa privada. Só mesmo um presidente sem votos poderia dar uma declaração dessas, já que as privatizações foram rechaçadas nas urnas durante as quatro últimas eleições. 

    terça-feira, 13 de setembro de 2016

    Emir Sader: Uma ditadura do capital sobre o trabalho


     
     

    Cai Eduardo Cunha, um dos chefes do golpe



     Mesmo sendo o principal articulador do golpe na Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha foi descartado pelo governo golpista
     Mesmo sendo o principal articulador do golpe na Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha foi descartado pelo governo golpista

    “É o resultado que o povo brasileiro aguardava. Não há mais tolerância para mentira e quebra da democracia. Ao virar essa página, vamos enfrentar firmemente a agenda nociva do presidente golpista Michel Temer, que quer enxugar direitos sociais e trabalhistas”, garante o líder do PCdoB na Câmara, deputado Daniel Almeida (BA), que considera este dia histórico no Parlamento.

    segunda-feira, 12 de setembro de 2016

    TABIRA PRECISA DE TOTE MARQUES NA CÂMARA DE VEREADORES


    Por Dedé Rodrigues

    Parte II

    Nesse momento grave pelo qual passa o Brasil, depois do golpe e da ditadura de novo tipo de Temer, PMDB,  é preciso aumentar a resistência nas ruas ao golpe e lutar para que a nossa democracia seja restabelecida pela convocação de eleições diretas. Em Tabira, nessas eleições de 2016,  o PC do B apresenta o nome do camarada Tote Marques para Vereador, com o número 65123,  que terá a  tarefa, se eleito,  de apresentar projetos  para o nosso desenvolvimento econômico e lutar contra a retirada de direitos dos trabalhadores e pela ampliação da democracia no Brasil e na esfera de poder municipal. 

    Milhares vão à Avenida Paulista por "Fora Temer" e Diretas Já



    Mídia Ninja
     
     

    Inciativa das Frentes Brasil Popular e Povo sem Medo, o protesto reuniu cerca de 60 mil manifestantes, entre lideranças políticas e partidárias, entidades dos movimentos sociais e independentes.

    domingo, 11 de setembro de 2016

    PROGRAMA TABIRA EM TEMPO Nº 74



    ATENÇÃO PARA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DE TABIRA, PERNAMBUCO E DO PAJÉU:

    1. TABIRA REALIZOU UM LINDO DESFILE NO DIA 7 DE SETEMBRO, MAS FALTOU O FORA TEMER!

    As escolas municipais e estaduais de Tabira, sob a organização da Secretaria de Educação comandada por Aracelis Amaral, realizou um lindo desfile neste dia 07 de setembro de 2016.  As escolas homenagearam as Olimpíadas desse mesmo ano, na qual o Brasil bateu o recorde de medalhas. Num momento crítico para nossa democracia com o ultra neoliberal Michel Temer do PMDB, que assaltou o poder da República,  mediante um golpe parlamentar de Estado, cabe a mim,  como historiador, fazer uma reflexão sobre o futuro de uma galera tão linda que desfilou hoje, mas em sua grande maioria sem ter nem noção do porvir escuro que espreita a nação e a possibilidade de destruição do futuro deles e de outras gerações com as medidas que estão sendo implementadas por este governo golpista a partir do Congresso Nacional. Leia mais e veja as fotos exclusivas do nosso blog Tabira Notícias.

    ATENÇÃO PARA AS NOTÍCIAS DE DESTAQUES DA SEMANA PELO BRASIL


    Áudio do vídeo 1


    Confira no vídeo abaixo:
     

    Do Portal Vermelho 

    ATENÇÃO PARA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DA SEMANA PELO MUNDO

    SUECOS VÃO TRABALHAR APENAS 06 HORAS POR DIA E NO BRASIL TEMER QUER AUMENTAR PARA 12

    Há cada vez mais empresas na Suécia a implementar um horário laboral de apenas seis horas. Filimundos, uma empresa de desenvolvimento de apps, em Estocolmo, deu a boa notícia aos seus empregados há um ano. Fonte Sociologia para os Jovens do século XXI.

    BISPO DOM ANGÉLICO FAZ DURAS CRÍTICAS AO CAPITALISMO E A RETIRADA DE DIREITOS DOS TRABALHADORES BRASILEIROS

    Por Dedé Rodrigues

    REFLEXÃO DA SEMANA N. 74

    Bom dia meus amigos e minhas amigas ouvintes do Programa Tabira em Tempo. Primeiro do que tudo “fora Temer”. O Portal Vermelho, no qual a esquerda fica bem informada, publicou uma matéria com vídeo esta semana que passou do Bispo Dom Angélico  Sândalo Bernardino, bispo de Blumenau, reproduzindo o sermão dele do dia 07 de setembro, em defesa dos trabalhadores e repleto de críticas ao sistema capitalista, que classificou como “explorador e sem vergonha, responsável pela miséria de milhões no mundo”. Durante missa no Santuário Nacional de Aparecida, em São Paulo, ele chamou a atenção para a desigualdade de renda no país e o quadro que se delineia de ataque aos direitos trabalhistas e previdenciários no país.