sábado, 6 de abril de 2019

Maranhão é estado que melhor remunera professor para 40 horas


Em matéria divulgada na quinta-feira (04), pelo jornal Gazeta do Povo, de Curitiba, o Maranhão foi destaque como o estado que melhor remunera o professor com jornada de 40 horas semanais. A publicação é parte de uma pesquisa sobre os salários pagos pelos estados, realizada pelo jornal paranaense em todo o país.

  
 Na matéria com o título: “Mesmo em crise, estados pagam acima do piso para professores; veja ranking”, o jornal destaca o esforço dos estados para cumprirem a Lei do Piso Salarial do Ministério da Educação (MEC). E faz um ranking dos salários pagos pelos estados brasileiros.

sexta-feira, 5 de abril de 2019

Aprovação de Bolsonaro segue em queda; agora é de 35%, diz XP

 O presidente Jair Bolsonaro enfrenta uma deterioração na sua taxa de aprovação, segundo revela pesquisa divulgada nesta 6ª feira (5) pela XP Investimentos. Sua rejeição aumentou de 17% para 26%.Portal Vermelho 

Divulgação
  
 Embora as variações tenham sido dento da margem de erro do levantamento, realizado de 1 a 3 de abril, as curvas de aprovação e reprovação mostram nitidamente uma trajetória ruim para Bolsonaro a partir de fevereiro.

Em fevereiro ele era aprovado por 40% dos que responderam à pesquisa da XP. Depois, em março, oscilou para 37%. Agora, está em 35%.

quinta-feira, 4 de abril de 2019

Centrais Sindicais lançam abaixo-assinado em defesa da aposentadoria


As centrais sindicais brasileiras, bem como a Frente Brasil Popular e a Frente Povo sem Medo, lançarão, nesta quinta-feira (4), às 10h, em São Paulo, o abaixo-assinado em defesa da Previdência e das aposentadorias, ameaçadas pela PEC 06/2019 da chamada reforma da Previdência.

  
Na atividade, os representantes dos trabalhadores levarão para a praça a calculadora elaborada pelo Dieese, o chamado “Aposentômetro”, para que o trabalhador possa fazer na hora o cálculo e comparar como ficaria sua aposentadoria com as regras atuais e como será se as alterações propostas por Bolsonaro forem aprovadas por deputados e senadores. 

terça-feira, 2 de abril de 2019

O golpe de 1964 para iniciantes (e para os desmemoriados)

 (por Ricardo Almeida)

Painel com rosto de alguns dos mortos e desaparecidos durante a ditadura militar no Brasil. (Reprodução)
Ricardo Almeida (*)
A história é um carro alegre
Cheio de um povo contente
Que atropela indiferente
Todo aquele que a negue

Chico Buarque e Pablo Milanes

Bolsonaro em Israel: mais um desastre na política externa

A viagem de Bolsonaro a Israel mostrou a ausência de projeto para o país do atual governo. Depois do vexame no Fórum Econômico Mundial, e da vergonhosa manifestação de subalternidade nos EUA, Bolsonaro foi à Israel atrapalhar o comércio exterior do Brasil e não conseguir nenhuma vantagem com o suposto novo aliado. O discurso antipetista de que os governos Lula e Dilma faziam políticas externas “ideológicas” fica cada vez mais ridículo perto da atuação do atual governo.

Por Luiz R. M. Cardia

Foto: Alan Santos/PR
  
 Durante a campanha eleitoral, Bolsonaro prometeu transferir a embaixada do Brasil em Israel para Jerusalém. Essa é uma reivindicação apenas de setores mais radicais da direita sionista, e de alguns setores evangélicos no Brasil. Apenas dois países, EUA e Guatemala, fizeram esse gesto que é mais de hostilidade ao povo palestino do que de amizade a Israel. Além disso, o presidente brasileiro sempre procurou uma aproximação ideológica com a direita israelense, o atual primeiro ministro Benjamin Netanyahu fez a primeira viagem de um líder israelense para uma posse presidencial no Brasil após a vitória de Bolsonaro. Portanto, declaradamente a política externa brasileira, liderada pelo chanceler olavista Ernesto Araújo, busca aproximação com EUA e Israel.

segunda-feira, 1 de abril de 2019

Manifestações "descomemoram" golpe e homenageiam vítimas da ditadura

Caminhadas, manifestações, aulas-públicas e atividades culturais foram realizadas em várias cidades do país para marcar os 55 anos do golpe de 1964 e para homenagear as vítimas da ditadura militar que dele resultou.

Foto: Rebeca Belchior/ Cuca da UNE
  
No Rio de Janeiro, a manifestação reuniu 4 mil pessoas para "descomemorar" golpe de 64. Os manifestantes se encontram na Cinelândia, no Centro do Rio, para repudiar torturas e mortes ocorridas durante a ditadura militar / Flora Castro / Brasil de Fato

domingo, 31 de março de 2019

PROGRAMA TABIRA EM TEMPO N. 175



 RESUMO.
                   
DATA: 31\03\2019

REFLEXÃO POLÍTICA DA SEMANA
Bolsonaro emula Jânio Quadros. Com três meses de governo está isolado e derrotado no Congresso (massacrado seria mais justo, a julgar pela derrota acachapante na votação de ontem sobre orçamento impositivo); sua popularidade desidrata a olhos vistos, nas ruas e nas redes; o "PIB" nacional, temendo que sua presença na presidência inviabilize as reformas ultraliberais - que ferram a massa popular mas garantem aos tubarões lucros maiores - busca se articular com o general vice. Ele está nas cordas apanhando sem dó. A crise só faz crescer.
Por Altair Freitas na sua página do Facebook

REFLEXÃO 2 DA SEMANA 

No dia em que a bolsa bateu nos 100 mil pontos, semana passada, comentei com várias pessoas que aquilo, longe de ser algo relacionado à economia real, era, na verdade, o mais clássico movimento da especulação financeira, "fazendo dinheiro" às custas da ilusão da hipotética facilidade que o governo teria para aprovar a reforma da previdência e outras. Tenho dito aqui, há tempos, que isso não seria tão simples assim. Venho também sistematicamente pontuando os problemas gravíssimos que assolam o pior governo da história brasileira em início de mandato. Logo, entendia eu, aquele movimento na Bolsa era uma bolha que tendia a estourar quando a dura realidade da vida se abatesse sobre o governo. A realidade bateu na porta e entrou. A Bolha estourou. A tendência, amanhã, é o dólar bater nos R$ 4,00.
Por Altair Freitas na sua página do Facebook

FRASE 1 DA SEMANA

O que não se pode imaginar  é que um cristão, que tenha consciência do que se denomina seguir ao Cristo, pense em eliminar o outro irmão. Subjugár-lhe à tortura, diminuir-lhe os direitos”. Dom Helder Câmara  

NO QUADRO QUEBRANDO O TABU COM O PROF. JOHW VAMOS PERGUNTAR A ELE SOBRE AS REFORMA TRABALHISTA. QUAIS SÃO OS RESULTADOS DELA NA VIDA DO TRABALHADOR COMPANHEIRO JOHW?

sábado, 30 de março de 2019

Livro revela casos de crianças sequestradas pela ditadura militar no Brasil TuitarCompartilhar



São 19 histórias de bebês, crianças e adolescentes, filhos de militantes políticos e camponeses, que foram levados de seus pais biológicos e entregues a famílias de militares
 São Paulo (Brasil) 
30 de mar de 2019 
Parte superior do formulário

Parte inferior do formulário
Dezenove casos de bebês, crianças e adolescentes sequestrados por aparatos de repressão da ditadura civil-militar no Brasil (1964-1985) são revelados pelo jornalista Eduardo Reina em seu novo livro Cativeiro sem fim, que será lançado na próxima terça-feira (02/04) pela editora Alameda (R$ 54) em parceria com o Instituto Vladimir Herzog.

sexta-feira, 29 de março de 2019

REFLEXÃO POLÍTICA DO DIA

O rechaço à ditadura e a defesa da democracia


Do Editorial do Portal Vermelho em 28/03/2019
Desde que no dia 25 de março, através do porta-voz da Presidência da República, Bolsonaro incitou os quartéis a realizarem “as comemorações devidas” ao golpe militar de 1964, elevou-se a tensão no cabo de guerra que há no país entre autoritarismo e democracia.

quarta-feira, 27 de março de 2019

Procuradores condenam proposta de Bolsonaro de comemorar o golpe de 64

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), do Ministério Público Federal (MPF), divulgou nota nesta terça (26) criticando a determinação de Bolsonaro para que o Ministério da Defesa faça as comemorações sobre o 31 de março de 1964, data do golpe militar no país.  
Divulgação
  
O general Fernando Azevedo, ministro da pasta, adotou um tom moderado para dizer que “não é o caso” de “comemorar”, o que haverá é uma agenda protocolar apenas entre os militares.

“Não bastasse a derrubada inconstitucional, violenta e antidemocrática de um governo, o golpe de Estado de 1964 deu origem a um regime de restrição a direitos fundamentais e de repressão violenta e sistemática à dissidência política, a movimentos sociais e a diversos segmentos, tais como povos indígenas e camponeses”, diz a nota 

terça-feira, 26 de março de 2019

PCdoB celebra 97 anos com defesa da unidade contra os retrocessos


 O Teatro Beberibe, em Olinda (PE), ficou pequeno para abrigar todos os militantes e amigos do PCdoB que foram ao local para comemorar os 97 anos do partido. Lideranças nacionais e locais, representantes de partidos aliados e dos movimentos sociais, intelectuais e artistas se uniram, nesta segunda-feira (25), para saudar a trajetória dos comunistas de compromisso com o país e seu povo. Nos discursos, a defesa da unidade para barrar o retrocesso imposto pelo governo Bolsonaro.

Foto: Diego Galba
  
“Um, dois, três, quatro, cinco mil, e viva o partido comunista do Brasil”. O tradicional grito de guerra invadiu o teatro, para anunciar que estava começando o ato. Um vídeo fez um passeio pelos principais acontecimentos do país, que se misturam à atuação dos comunistas. No palco, dirigentes, gestores e parlamentares do PCdoB e de partidos como PT, PSB, PDT, Rede e Psol, além de presidentes de movimentos estudantis, de trabalhadores, negros e mulheres. 

domingo, 24 de março de 2019

PROGRAMA TABIRA EM TEMPO N. 174



 RESUMO.
                   
DATA: 24\03\2019

REFLEXÃO POLÍTICA DA SEMANA
O pensamento raso, superficial, tosco até, de quem olha a árvore mas não enxerga a floresta, segue achando que a lava jato está combatendo a corrupção.
Na história do Brasil - e do mundo, inclusive na Itália, país de onde saiu a matriz da lava jato e no qual a corrupção e a mafia vão muito bem, obrigado! - o "combate à corrupção" sempre foi uma grande cortina de fumaça para deslocar forças políticas no poder para a ascensão de outras, especialmente de corporações incrustadas na máquina do Estado.
O Estado brasileiro é cheio de representantes do grande capital, atuando sob seu comando e em seu benefício, tendo também corporações com interesses próprios, entrelaçados com os grandes conglomerados privados internos e externos. Isso atravessa décadas, governo após governo. A ida da lava jato ao poder Executivo, com seu principal quadro político, o atual ministro da justiça, apenas e tão somente comprova o que estou dizendo.
Como ministro, ele se cala solenemente sobre milícias, caixas 2, fake news, manipulação de dados do Facebook e tudo o mais que beneficiou o Klan a vencer a eleição. Porque ele - e a lava jato - são parte disso. A guerra intestina que transcorre no Estado envolvendo essas facções transbordou, ganhou visibilidade. É uma disputa pelo poder. Não tem nada a ver com ética e moralidade.
Temer, um pulha, canalha, golpista, hoje foi preso sem flagrante, sem sequer ter processo formal contra si, sem condenação. Virou peça de artilharia no arsenal da guerra em curso. Dá pena do Brasil. Por Altair Freitas na sua página do Facebook

REFLEXÃO 2 DA SEMANA 

Os dados alusivos a 2017, mostram que cerca de 30% dos (as) trabalhadores (as) conseguiam contribuir para o INSS, na média, apenas SEIS MESES a cada ano. Faça as contas! Com o elevado grau de rotatividade promovido pelo capital privado para cortar gastos (demitir parte da mão-de-obra para contratar novos trabalhadores ganhando menos), associado ao desemprego estrutural em várias carreiras (substituição de trabalho vivo pela robotização), junto com o desemprego que flutua conforme as crises do próprio capitalismo, QUEM VAI SE APOSENTAR INTEGRALMENTE caso a (de)forma da previdência seja aprovada? Quem? Por Altair Freitas na sua página do Facebook

NO QUADRO QUEBRANDO O TABU COM O PROF. JOHW VAMOS PERGUNTAR A ELE SOBRE A EDUCAÇÃO EM TABIRA E NO ESTADO, COMPARADA A OUTROS LUGARES. HÁ AVANÇOS PROFESSOR JOHW? O QUE PRECISA SER FEITO MAIS?   

NO QUADRO O POVO PRECISA SABER COM ANTONIO DE DU VAMOS PERGUNTAR A ELE SOBRE A PRISÃO DE TEMER.

ATENÇÃO PARA ALGUMAS NOTÍCIAS DA SEMANA EM TABIRA E NO PAJEÚ

Na manhã desta quinta-feira, 21, o prefeito Sebastião Dias, recebeu Djair Almeida, que é represente do Banco do Nordeste de Sertânia, em seu gabinete.
O principal motivo da visita do Agente de Desenvolvimento foi para fazer o contato com o prefeito e agendar a vinda do Gerente do Banco do Nordeste para Tabira. Na ocasião, serão tratados assuntos referentes a projetos que beneficiarão os agricultores de Tabira. Fonte: Blog do Povo

REFLEXÃO POLÍTICA DO DIA

"Reforma" da Previdência repudiada nas ruas

Portal Vermelho

Os protestos desta sexta-feira (22) contra a “reforma” da Previdência ficam registrado como um enérgico pronunciamento dos trabalhadores. Seu vigor decorre da unidade das entidades sindicais, uma ação nacional que uniu as centrais, mas o determinante foi a crescente percepção de que essa medida anunciada pelo governo Bolsonaro é uma das mais perversas, para o povo, de que se tem notícia na história deste país. Ela simplesmente passa a borracha numa epopeia que ergueu o edifício que abriga a legislação social brasileira. 

quarta-feira, 13 de março de 2019

Jandira: É fundamental que apareçam os mandantes da morte de Marielle


A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), líder da Minoria na Câmara, falousobre a apuração do crime contra a vereadora Marielle Franco. Ela afirmou que um ano depois do assassinato, dois homens são presos mas ainda não se sabe quem mandou. “Cada hora aparecem mais vínculos político-familiares e territoriais. E é fundamental que eles de fato apareçam”. Para ela “ não é possível que neste Estado Democrático de Direito combalido e violado, este crime político ocorra sem que essa resposta seja dada".


terça-feira, 12 de março de 2019

Um Brasil em declínio social e econômico

  
O IBGE divulgou, na última semana de fevereiro, que o desemprego voltou a crescer no Brasil. Agora são 12,7 milhões de pessoas. Quem se encontra nessa situação, ou já passou por isso, sabe como é terrível estar desempregado. A autoestima se reduz, as incertezas assustam, a insegurança se aprofunda. Como pagar o aluguel, o gás, a luz, o telefone, e as prestações dos eletrodomésticos?

Kliass: O capitalismo não sobrevive sem a intervenção do Estado


Portal Vermelho 

O economista Paulo Kliass, comenta no Nocaute o recente artigo de André Lara Resende. Lara Resende afirma que tudo que tem sido praticado do ponto de vista da teoria monetária no Brasil é um equívoco. Isso já vem sendo dito por muitos de nós há muito tempo, diz Kliass. Mas vindo dele nesse momento, um banqueiro ligado aos tucanos, é uma grande paulada em Paulo Guedes e sua turma que diz que o problema do Brasil se resume a reduzir o tamanho do Estado. Confira.

  

 Fonte: Nocaute

segunda-feira, 11 de março de 2019

REFLEXÃO POLÍTICA DO DIA


A economia brasileira num beco sem saída


De cada 10 brasileiros, apenas três têm emprego com carteira assinada. A informação é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Da força de trabalho total do Brasil de 105,2 milhões de pessoas, apenas 35,9 milhões estão na formalidade. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua mostra ainda que o número aumentou; no trimestre encerrado em janeiro de 2019, em comparação com o mesmo período de 2017, a quantidade de trabalhadores sem carteira de trabalho subiu 2,9%, um aumento de 320 mil pessoas no mercado informal. Pode-se contatar facilmente dois fatores determinantes para essa calamidade social. 

domingo, 10 de março de 2019

Professora da UFRJ desmonta farsa da "reforma" da Previdência


Números, dados e fatos demonstram que pregação neoliberal ocultam a realidade da Previdência Social.

  
Lena Lavinas, professora do Instituto de Economia da UFRJ, em artigo no jornal O Globo intitulado “A quem a reforma da Previdência privilegia?”, diz que a proposta de “reforma” da Seguridade Social ora em pauta bate sistematicamente na tecla de que vem para pôr fim a uma velha e persistente dimensão das nossas desigualdades: iniquidades de renda na inatividade. “Já se sabe que algo que se repete a marteladas acaba por virar verdade, qualquer que seja seu conteúdo, ainda mais em tempos em que crenças ganham ares de integridade moral”, constata.

PROGRAMA TABIRA EM TEMPO N. 172



 RESUMO.
                   
DATA: 10\03\2019

REFLEXÃO POLÍTICA 1 DA SEMANA:
Eu sei cantar hinos pátrios. Sou filho de militar, fui militar. Agora, NADA DISSO me torna um patriota. O que me torna patriota é dedicar mais de trinta anos da minha vida ao magistério, buscando transmitir às novas gerações o que aprendi ao longo da vida, com a vida e com meus estudos na universidade e tudo o que estudei e estudo após ela. O que me torna patriota é que por 35 dos meus 56 anos de vida, defendi e defendo, lutei e sigo lutando, pelo justo, pela necessária transformação do Brasil de um dos países mais desiguais do mundo em uma nação sem miséria, sem pobreza, sem dependência às potências que nos sugam até a medula. Isso me faz patriota. Amar a pátria não é amar símbolos, ainda que por eles é necessário ter respeito. Respeto, mas não idolatria cega e vazia, oca como pastel de vento!
Facebook - Altair Freitas

REFLEXÃO 2 DA SEMANA
O contratualismo é um conjunto de teorias que tentam explicar a formação legítima da sociedade e do Estado.
Essas teorias traçam os caminhos que levam as pessoas a abdicarem racionalmente de suas liberdades e direitos à um governo ou autoridade política que lhes garanta benefícios de ordem política e social. Dedé Rodrigues

FRASE 1  DA SEMANA 


FRASE 2  DA SEMANA
„Quando pratico o bem, sinto-me bem; quando pratico o mal, sinto-me mal. Eis a minha religião.“ — Abraham Lincoln 


NO QUADRO QUEBRANDO O TABU COM O PROF. JOHW VAMOS PERGUNTAR A ELE SOBRE O VÍDEO PORNOGRÁFICO QUE O PRESIDENTE BOLSONAR DIVULGOU. O CARNAVAL É ISSO MESMO PROFESSOR,  SÓ PORNOGRAFIA?

NO QUADRO PRESTANDO CONTAS COM O PROFESSOR DEDÉ RODRIGUES VAMOS PERGUNTAR O QUE ELE DESTACA COMO QUESTÃO OU AÇÃO AMBIENTAL NO PROGRAMA DE HOJE NA SECRETARIA DE JUVENTUDE E MEIO AMBIENTE?


ATENÇÃO PARA ALGUMAS NOTÍCIAS DA SEMANA EM TABIRA E NO PAJEÚ

sexta-feira, 8 de março de 2019

REFLEXÃO POLÍTICA DO DIA


Carnaval vaia Bolsonaro


Do Editorial do Portal Vermelho

O uso da cor laranja neste carnaval foi maior do que o usual. Cor imposta pela política: protestar contra o governo retrógrado de Jair Bolsonaro e seu partido, o PSL (Partido Só Laranja, como registraram foliões em Bezerros, PE), contra o qual se multiplicam as denúncias de uso de candidaturas de araque ("laranjas") para arrecadar ilegalmente dinheiro para as campanhas na eleição de 2018. Nesta quarta-feira de cinzas (6), o próprio Bolsonaro de certa forma passou recibo e deu mostras do incômodo com as críticas recebidas e divulgou, pelas redes sociais, uma mensagem obscurantista, obscena e grotesca contra o Carnaval, dirigida - pode se adivinhar - contra as críticas feitas a ele e à direita na festa popular. 

quarta-feira, 6 de março de 2019

"Com 2,5 bi em caixa, a Lava Jato se prepara para substituir o bolsonarismo,

Reproduzo abaixo texto do jornalista Luis Nassif, publicado hoje, sobre a graninha da lavajato vinda da petrobras. Direto do Facebook

Paulo Kliass: O PIBinho deixa o Brasil andando de lado

  

E aqui não custa nada fazer um pouco de recuperação de nossa História recente. Dilma havia sido reeleita em outubro de 2014, depois de um apertado embate com Aécio Neves no segundo turno. Um dos temas mais debatidos na campanha havia sido justamente o legado dos 3 mandatos a partir de 2003. Ocorre que depois anunciada a vitória, ela se deixou levar pelo discurso ortodoxo e monetarista do financismo a respeito da suposta necessidade de uma conduta mais rigorosa na questão fiscal.

sábado, 2 de março de 2019

Jurista Carol Proner prevê superencarceramento com projeto Moro


Caso seja aprovado o chamado projeto anticrime apresentado pelo ministro da Justiça, Sergio Moro, o Brasil pode enfrentar um sério problema de superencarceramento no sistema prisional. É o que disse a jurista Carol Proner durante entrevista ao jornalista Sérgio Conti do programa Diálogos da GloboNews.

sexta-feira, 1 de março de 2019

Bolsonaro é um risco para a democracia

Do Portal Vermelho

Jair Bolsonaro não engana ninguém, no Brasil e no mundo: ele representa uma ameaça à democracia. Foi assim que o instituto Freedom House – sediado em Washington, no Estados Unidos – classificou seu governo retrógrado. 

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

A esquerda e a bandeira verde-amarela

Foto: CUT
  
Bolsonaro governa apoiado em militares positivistas e liberais. Estas mesmas forças se uniram para derrubar Getúlio, tentaram derrubar JK e estavam juntas no Golpe de 64. Esta aliança “vem de longe”, diria o saudoso Brizola.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

A cruel demolição da previdência social

Por Guilherme Santos Mello*

  
A proposta do governo Bolsonaro para a previdência (e assistência social) não pode ser chamada de “reforma”. Seu objetivo não é melhorar o regime atualmente existente, como aconteceria em uma reforma, mas demolir as bases do atual sistema de seguridade social, substituindo-o por um sistema de capitalização privado. Na prática, isso significa a mudança do princípio da solidariedade social pela lógica individual, substituindo-se a ideia de “um por todos e todos por um” pelo lema “cada um por si e Deus (acima) por todos”.

domingo, 24 de fevereiro de 2019

O fio histórico das ameaças à Venezuela

Por Osvaldo Bertolino

  
Por qualquer ângulo se olhe para o regime dos Estados Unidos é impossível não ver criminosos de guerra. O atual presidente do país, Donald Trump, é apenas mais um de tantos outros. Ele é um típico líder do Partido Republicano, ligado ao capital financeiro e incapaz de compreender a importância das pessoas individualmente. Essa facção dominante inclui entre seus líderes os altos chefes militares. Os senhores da guerra hoje são, pela natureza do regime norte-americano, uma importante fonte de poder. 

PROGRAMA TABIRA EM TEMPO N. 171



 RESUMO.
                   
DATA: 24\02\2019

REFLEXÃO POLÍTICA 1 DA SEMANA:
Várias pessoas me perguntam sobre como agir em relação ao governo Bolsonaro. Nem pressa nem preguiça! Nem pressa para acabar com ele pois tem muito apoio popular e das grandes forças do capital externo e interno, para atender seus anseios de privatizações e quebra de direitos sociais, trabalhistas e previdenciários; não cairá por bravatas e aventureirismo. Nem preguiça, porque é preciso trabalhar muito para construir uma alternativa de poder reunindo forças amplas por um lado e travar as batalhas institucionais contra o desmonte do pais e reverter junto a parcelas do povo o apoio atual. Conjugar as duas coisas é preciso. É fácil? Não! Impossível? Muito menos!
Facebook - Altair Freitas

FRASE 1  DA SEMANA  (SOBRE A REFORMA DA PREVIDÊNCIA):
“O governo Bolsonaro vai criar uma legião de idosos pobres”.
Deputado José Guimarães”. (PT-CE)

REFLEXÃO POLÍTICA 2 DA SEMANA:
As crises humanitárias no velho continente asiático, a fome a miséria e o crescente número de pessoas saindo, bem como a crise em outras partes  do mundo. A crise humanitária em Honduras e no Haiti, com milhares de imigrantes tentando fugir da fome e da violência, boa parte deles tentando entrar  nos Estados Unidos, mas sendo barrados pela polícia de Tramp,   que planeja construir um muro na divisa com o México. Diversas ditaduras pelo mundo afora, como a da Arábia Saudita,  tem o apoio americano. Nada disso interessa ao império americano, à mídia hegemônica mundial,  nem a elite oligárquica mundial e brasileira. Por que teimam em derrubar Maduro impondo uma falsa ajuda  humanitária? Resposta. Petróleo e outras riquezas minerais. Ainda tem gente que acredita na campanha contra Maduro.  Dedé Rodrigues

QUADRO COM ANTONIO DE DU VAMOS PERGUNTAR A ELE O QUE POVO PRECISA OU DEVERIA SABER HOJE SOBRE O RESULTADO DO GOLPE DE 2016?

NO QUADRO QUEBRANDO O TABU COM O PROF. JONW VAMOS PERGUNTAR A ELE SOBRE O DESASTRE DE BRUMADINHO VAMOS OUVIR UM COMENTÁRIO DELE SOBRE A REFORMA DA PREVIDÊNCIA.  

NO QUADRO PRESTANDO CONTAS COM O PROFESSOR DEDÉ RODRIGUES VAMOS PERGUNTAR O QUE ELE DESTACA COMO QUESTÃO OU AÇÃO AMBIENTAL NO PROGRAMA DE HOJE NA SECRETARIA DE JUVENTUDE E MEIO AMBIENTE?


ATENÇÃO PARA ALGUMAS NOTÍCIAS DA SEMANA EM TABIRA E NO PAJEÚ

1. POLO UAB: PREFEITO SEBASTIÃO DIAS PARTICIPA DE AUDIÊNCIA PÚBLICA QUE OFICIALIZA A LIBERAÇÃO DE RECURSOS PARA A CONSTRUÇÃO DO CAMPUS UNIVERSITÁRIO

Ao vivo: Nicolas Maduro discursa ao povo da Venezuela


 Assista, ao vivo, o discurso do presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, a uma multidão nas ruas de Caracas, num ato de repúdio à tentativa de golpe. "Se eu cair, vão às ruas e façam vocês mesmos a revolução socialista. Tomem o poder para vocês", afirmou o líder da Venezuela.

  

 Fonte: Telesur

sábado, 23 de fevereiro de 2019

Ao vivo: Nicolas Maduro discursa ao povo da Venezuela


 Assista, ao vivo, o discurso do presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, a uma multidão nas ruas de Caracas, num ato de repúdio à tentativa de golpe. "Se eu cair, vão às ruas e façam vocês mesmos a revolução socialista. Tomem o poder para vocês", afirmou o líder da Venezuela.

 

 Fonte: Telesur