sábado, 17 de junho de 2017

GOVERNO DE TABIRA AVANÇA NO TRABALHO DE PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE


Por Dedé Rodrigues
A Secretaria de Juventude e Meio Ambiente realizou uma reunião na sexta-feria, 16 de junho de 2017, com a Diaconia, Secretaria de Obras, Assistência Social, Coordenação da Mulher, representante de catadores e parceiros. Na pauta  como avançar na proteção do meio ambiente e no trabalho de coleta seletiva em Tabira. A reunião foi rica em discussão e amarração de propostas de ações no enfrentamento de questões relacionadas com a proteção do meio ambiente em Tabira. Leia mais abaixo e veja mais fotos.


As discussões foram abertas pelo Secretário de Juventude e Meio Ambiente, Dedé Rodrigues que falou da importância da parceria que estava se formando em Tabira em torno de problemas tão complexos como a administração do lixão em Tabira.

O representante da Diaconia Adilson Alves, fez um relato dos avanços que tem ocorrido, com a conquista do galpão do lixão, na fase final de construção, mas  relator diversos problemas com os catadores que carecem de uma aproximação melhor do governo com eles.

Para o Secretário de Obras  Claudio Alves “é preciso ampliar essa luta da questão do lixo para toda região do Pajeú provocando uma reunião com os secretários de obras e meio ambiente com a discussão de construção de aterros sanitários, com vistas a reativar o CIMPAJEÚ”.  Claudio disse ainda que “a prefeitura recebeu um Edital de Aterro Sanitário e está fazendo o estudo para ver a viabilidade dele”. Também citou a conquista muito importante de  mais um compactador de lixo para Tabira. 

Na conclusão das discussões foram tomadas algumas medidas importantes para o meio ambiente em Tabira:

I – aproximar especialistas da prefeitura, assistente social, psicólogas, com os catadores de lixo, elaboração de um cronograma de visitas e acompanhamento permanente para encaminhamento e resolução de problemas;

II – Colocar a campanha de separação do lixo no ar para divulgação por todos os meios possíveis;

III – cavar valas para enterrar ou incinerar animais mortos no lixão;

IV – pulverizar o lixo com K-othrine para espantar as moscas;

V  - melhorar o descarte do lixo pelos motoristas no lixão;

VI – construção da base da torre de retransmissão da internet para o galpão do lixão sob a responsabilidade da prefeitura;

VI – construção da torre da internet, sob a responsabilidade  da Diaconia;

VII – prosseguir com a campanha educativa de separação do lixo em Tabira, nos órgão públicos e nas escolas, sob a responsabilidade da Secretaria de juventude e Meio Ambiente;

VIII – realizar um seminário com a Diaconia e todos os envolvidos na problemática do meio ambiente em Tabira,  no dia 14 de julho de 2017, com início às 9 horas, na Secretaria de Educação.


IX – marcar reunião com o Promotor de Justiça Dr. Lúcio, com vistas a fortalecer as parcerias ma região em defesa do meio ambiente e a reativação do CIMPAJEÚ. A cargo da Diaconia;







0 comentários :

Postar um comentário